Django Unchained


Vencedor de dois Óscares da Academia: Melhor Argumento Original e Melhor Actor secundário. Este novo Tarantino surpreendeu pela positiva. Gostei imenso do filme, não achei seca nenhuma e recomendo-o a todo o custo. Para fãs de Quentin Tarantino e não só. Destaco todo o elenco: Jamie Foxx, Christoph Waltz, Kerry Washington, Leonardo DiCaprio e Samuel L. Jackson. 4 estrelas.

Le Bal


A ideia foi de Jean-Claude Penchenat e o realizador deste foi Ettore Scola. Um filme simples com humor próprio: a história de um salão de baile desde 1920 adiante. Adorei e recomendo a todos os curiosos. Nomeado para o Óscar de Melhor filme estrangeiro na cerimónia de 1984.

Cold body. Warm heart.

Jonathan Levine é um realizador em ascensão (consultem o seu reportório como realizador). Este, levou ao grande ecran a adaptação da obra literária de Isaac Marion. "Warm Bodies" não é só um filme de zombies. Também pode ser considerado uma típica rom-com com um toque de comédia. Para os fãs do mundo pós-apocalíptico. Com Nicholas Hoult, Teresa Palmer e John Malkovich. Banda sonora hype.

 

The Normal Heart


Tudo começa em 1981. O ponto final do silêncio do HIV/AIDS. Até esta altura existiam mortes sem causa aparente. Não só na comunidade gay mas também em muitos outros pontos do mundo. Neste filme de Ryan Murphy, escrito por Larry Kramer: um grupo de homens tentam avisar o mundo que existe uma nova doença. Aceitar que este novo vírus não deve ser motivo de vergonha ou de destruição. O medo não pode provocar ignorância na humanidade. É importante lutar pelas causas que são importantes. Com Mark Ruffalo, Matt Bomer, Jonathan Groff, Julia Roberts, Jim Parsons, Alfred Molina e Frank De Julio. 
Filme dramático, real. Vejam.

The Earth's Darkest Day Will Be Man's Finest Hour


O verão de 1998 ficou marcado pela estreia de "Armageddon", um filme de ficção científica que pôs o nome de realizador Michael Bay no estrelato. Com Bruce Willis, Billy Bob Thornton, Liv Tyler, Ben Affleck, Steve Buscemi, Will Patton, William Fichtner, Michael Clarke Duncan, Owen Wilson e Peter Stormare. Recomendo a uma geração dos anos 90 que ainda se lembra da banda sonora.