This year, discover how far adventure will take you.


Colaboração atrás de colaboração, começando em Herné, passando por Peter Jackson e acabando em Steven Spielberg, finalmente as aventiras de Tintin chegam ao grande ecran com um 3D tão fantástico que até eu fiquei boquiaberta. Para quem odeia a maioria dos filmes em 3 dimensões (como os últimos trabalhos de Robert Zemeckis) direi-vos que Tintin está muito bem conseguido e valeu a pena ver em cinema. Aquele medo que se instalara desde o visionamento dos primeiros frames do filme deixava muito a desejar, quanto ao trailer já estava mais assente e finalmente o filme creio que satisfaz qualquer apaixonado pelas aventuras do jovem jornalista. Digo isto porque fui ver o filme com o meu pai. Para ver e rever com as gerações mais novas. Fiquem atentos a todos os artistas envolvidos neste filme. Desde a concepção, ao guião, produção, banda sonora, elenco e muitos outros parâmetros. Magnífico. O que há para não gostar de Tintin?

Enviar um comentário