Roger & Me

O primeiro documentário de Michael Moore está datado 1989 quando o mesmo decidiu narrar a sua história e mostrar o caso da sua cidade natal, Flint que se tornara na altura na morada certeira do desemprego. Mas o seu problema era um individuo - Roger Smith - um senhor de tal imponente gravata que tirou milhares de postos de trabalho deixando uma comunidade à beira da precariedade. Já neste primeiro trabalho de Moore mantém uma coisa que sempre o publico gostou nele: o contraste que transmite algo. Não são apenas diferenças... acaba por ser transmitida uma mensagem universal (para não falar que Moore utiliza sempre elegantemente o que lhe fica melhor: a voz do povo, das pessoas, que essas sim, fazem muitos documentários sem sequer ter uma câmara de filmar).
Enviar um comentário