love is betrayal. love is anguish. love is sin. love is selfish. love is hope. love is pain. love is death. what is love? love's a bitch.



De Alejandro González Iñárritu. Bem Montado. Carnal, visceral e quente. Assim é “Amores Perros” um filme de 2000 com Emílio Echevarría, Goya Toledo e o encantador Gael García Bernal. Nesta encruzilhada de histórias o caos é a base por onde os predestinados vivem, os personagens (bastante bem construídos) tentam sair da vulgaridade da sua existência e o amor é o bem/valor mais sacrificado. Várias dimensões diferentes que se tocam no mesmo espaço durante três capítulos. O descalabro das vidas de Maru, El Chivo, Daniel, Valeria, Octavio, Susana e seus adjacentes num jogo privado e ilegal onde toda a emoção é forte e sustém-se. Garantido. Recomendo.
Enviar um comentário