The Little Traitor

Baseado no romance de Amos Oz, este filme de Lynn Roth conta com Ido Port e Alfred Molina para relatar o caso da Palestina em 1947 onde os Britânicos desde 1917 tinham ocupado terras inóspitas trazendo depois da 2ª Guerra Mundial, uma enchente de refugiados pós – holocausto. Derivado a esta e outras medidas o povo palestiniano encontrava-se revoltado e com um ódio permanente aos ingleses. Para evitar confusões existia uma hora de recolher obrigatório para as comunidades Árabes e Judaicas. Aqui em Jerusalém estava Proffy, um rapaz de família judaica, bastante influente no seu grupo de amigos e pouco ambicioso da vida que levava.


Após ter-se metido em sarilhos, Proffy corre o mais depressa que pode até casa, pois a hora de recolher obrigatório já passou, até que é apanhado por um sargento que surpreendentemente apenas o acompanha até casa. Proffy fica intrigado com o lado humano de uma figura que tanto odeia. Começa a conhecer e a trocar impressões com sargento Dunlop, uma amizade não aprovada pela comunidade judaica. Descobrir que o diferente é igual mesmo que os tempos sejam os mais difíceis e reconhecer em qual dos lados cada um se mantém.
Enviar um comentário