Pride & Prejudice

Bonito? Não. Belo? Talvez. Mas pela sonoridade da palavra “Beautiful” é assim que descrevo uma das histórias de amor jamais representadas nos palcos do teatro e em 2005, adaptada para cinema pelo realizador Joe Wright. A visão deste realizador sobressaiu neste trabalho e também, pelo reconhecido “Atonement”, está provado que Wright tem um sentido visual único. Espero ver mais trabalhos deste realizador brevemente.





Sendo este romance de Jane Austen, único na história da literatura pela sua descrição do carácter feminino do séc. XVIII, que sobressai constantemente em cada diálogo, em cada imagem enternecida, por entre diferentes espaços, o drama acolhe as reacções de cada personagem, tantos os Bennet cm Mr. Darcy. A história não vale a pena desenvolver neste breve comentário, a qual também não nos é desconhecida de todo. Assim recomendo não só o filme, como a banda sonora autêntica de Dario Marianelli, que recentemente ganhou o Óscar graças às melodias de “Atonement”. No elenco temos Keira Knightley (nomeada para o Óscar de Melhor Actriz), Matthew Facfayden, Judi Dench, Rosamund Pike, Donald Sutherland e Brenda Blethyn. Apaixonante. 4 estrelas.
Enviar um comentário